Obituário

Morre em Carazinho criador dos troféus da Seara da Canção Gaúcha

Novembro 23 / 2021

Dilon Pias Duarte, 82 anos, faleceu nesta terça-feira (23). Foi criador dos troféus da Seara da Canção Gaúcha.

No site oficial do festival foi feita uma publicação relembrando as obras dele:

- ''O Tropeiro'', prêmio máximo, representava um tropeiro à cavalo com roupas típicas, fazendo referência à figura do biriva que por muitos anos transitou por Carazinho à caminho de Sorocaba.

- ''Cancioneiro Gaúcho'', destinado à categoria Galponeira, representava um peão gaúcho com roupas típicas e um violão em atitude de tocá-lo.

- "Raízes do Sul", destinado à categoria Nativista, trazia a formato do mapa do Rio Grande do Sul, adornado por elementos da arte e da cultura gaúcha, e fazia remissão ao programa radiofônico que foi propulsor do movimento de criação do festival.

- "Bombeador", destinado à categoria Contemporânea, reverencia o mais importante símbolo da cidade, criado em homenagem ao fundador Pedro Vargas.

Dilon deixa a esposa Maria Jaci de Oliveira Duarte, filhos Mara Lucia, Sandra, Fernando e Ricardo, além de netos, bisnetos e demais familiares.

O sepultamento ocorreu às 16h no cemitério municipal de Carazinho.  


(Foto: Site da Seara da Canção Gaúcha).




Publicado por: Ana Maria Leal E-mail: anamaria@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais