Esporte

Edenilson marca nos acréscimos e Inter vence o Fortaleza no Beira-Rio

Setembro 20 / 2021

Na primeira partida que disputou no Beira-Rio neste mês de setembro, o Clube do Povo superou o Fortaleza, na manhã deste domingo (19/09), por 1 a 0. Marcado aos 47 do segundo tempo, o gol de Edenilson garantiu ao Inter sua segunda vitória consecutiva no Nacional, que leva o Colorado aos 29 pontos no Brasileirão de 2021.

Agora, a equipe volta suas atenções para a 22ª rodada do país, que será disputada no próximo domingo (26/09), às 16h, diante do Bahia. No Beira-Rio, o confronto envolverá equipes em realidades distintas na tabela. Afinal, enquanto o Inter luta pelo G6, o Tricolor de Aço, com 23 pontos conquistados até aqui, vive luta particular contra o rebaixamento.

Bola com o Inter, principais chances para os visitantes

Apesar do horário, é seguro afirmar que as duas equipes foram a campo bastante ligadas no Beira-Rio. Logo no primeiro minuto, Lucas Lima cruzou bola perigosa da esquerda, que Ângelo Henríquez finalizou com espaço na pequena área. Embora desperdiçada, a oportunidade empolgou os visitantes, que passaram a adiantar suas linhas e, com os alas colados em nossos laterais, e os atacantes atentos aos zagueiros vermelhos, incomodaram a saída de jogo do Clube do Povo. A resposta encontrada pelo Inter foi a aposta no corredor esquerdo de ataque.

Existente para levar o Inter ao campo ofensivo, o espaço no corredor esquerdo até ofereceu escapes agressivos para Moisés e Patrick, mas foi incapaz de colocar o Colorado dentro da área rival. Cerceada pela defesa cearense, a construção por passes foi substituída, no leque do ataque alvirrubro, pelos arremates de longa distância. O mais perigoso desses saiu dos pés de Mauricio, que quase abriu o placar, aos 40, em forte canhotaço. De sua parte, o Fortaleza assustou uma vez mais, ainda antes, no minuto 16, quando Éderson mandou por cima boa chance.

Não tá morto quem peleia

O Inter retornou dos vestiários com mudança, a partir da entrada de Boschilia no lugar de Mauricio. Quem dominou o reinício de confronto, porém, foi o time visitante, que criou duas boas tramas nos 10 minutos de abertura da etapa final. Aos poucos, o Clube do Povo passou a igualar as ações, e armou seus escapes aos 16 e 22, ambos arrematados por Yuri. Encerrando a primeira metade do segundo tempo, Saravia e David se envolveram em discussão ríspida e, por isso, foram punidos com o vermelho.

Menos atletas em campo, mais espaços para as equipes. Enquanto o Inter tratou de aproveitar os vazios, o Fortaleza forçou o antijogo, e teve sua postura complacente punida nos acréscimos. Jogador de Seleção Brasileira, Edenilson percebeu o entrosamento de Heitor e Yuri, que pegaram a zaga rival desatenta em cobrança de lateral rápida, e se projetou pela direita. Servido pelo atacante, o camisa oito finalizou sem ângulo, mas também sem chances. O nono gol do artilheiro do Nacional garantia ao Inter três pontos fundamentais.


Ficha técnica:

Internacional (1): Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Edenilson, Rodrigo Lindoso (Paolo Guerrero), Rodrigo Dourado e Patrick (Heitor); Mauricio (Boschilia)(Johnny) e Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre.

Fortaleza (0): Felipe Alves; Daniel Guedes, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu (Ronald), Éderson, Matheus Jussa, Lucas Crispim (Edinho) e Lucas Lima (Depietri); Robson (Wellington Paulista) e Ângelo Henríquez (David). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Gol: Edenilson, aos 47?/2ºT (I).

Cartões amarelos: Bruno Méndez, Moisés e Rodrigo Dourado (I). Marcelo Benevenuto (F).

Cartões vermelhos: Saravia (I). David (F).

Arbitragem: Edina Alves Batista, auxiliada por Neuza Ines Back e Leila Naiara da Cruz. Quarto árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro. VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral.

Estádio: Beira-Rio.

Imagens: Ricardo Duarte.


(Fonte: Site oficial do clube. Foto: Ricardo Duarte).





Publicado por: Ana Maria Leal E-mail: anamaria@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais