Coluna Circulando e a política atual.

Tratativas.

Ana Maria Leal
Setembro 23/ 2021

A presidente do Progressistas de Carazinho me informou nesta quinta-feira (23) que não foi procurada pelo MDB com proposta de união.

Giovana Ceconello pediu que eu trouxesse à público esse detalhe, em razão da coluna anterior, e o faço neste momento.

Mas, a partir disso surge uma outra questão: os emedebistas estão tratando com outras pessoas, que não a presidente.

Não que seja algo irregular, já que tratativas prévias são normais, antecipando um encontro mais amplo, em um momento futuro, com a presidente.

Afinal, política se faz muitas vezes de forma silenciosa, em segredo, entre poucas pessoas, até que tudo esteja devidamente amarrado.

Alguém me disse, mais de uma vez, inclusive, que o MDB sabe fazer isso muito bem, e, como exemplo, citou a indicação do nome para vice nas eleições do ano passado.

Alguns podem não lembrar, mas já abordei o fato aqui: quando o partido se preparava para essa definição um pequeno grupo emedebista chegou com o nome pronto, apresentando Valéska Walber.

Pegou todos de surpresa, pois a executiva sequer sabia que ela já estava filiada.

Tudo havia sido feito habilmente, sem alardes, meses antes, tanto que ela havia se afastado do cargo público que ocupa como servidora concursada, preparada para o prazo de desincompatibilização...

Ou seja, certo está quem diz que o partido está fazendo escola em agir nos bastidores.

 



(Imagem meramente ilustrativa:br.freepik.com)







Compartilhe esta coluna em suas redes sociais