Coluna Circulando e a política atual.

Comissão provisória.

Ana Maria Leal
Setembro 16/ 2021

Tudo está se encaminhando para que o PTB de Carazinho tenha uma comissão provisória pelos próximos 90 dias, ou seja, até o fim de 2021.

Conversando com um representante da sigla, me informou que existe a tendência de que o diretório estadual defina por essa comissão tendo na presidência um jovem político que já disputou eleições municipais para a câmara de vereadores.

Caberá a ele, e demais membros da comissão provisória, regularizarem questões pendentes da sigla referentes às eleições do ano passado.

Os petebistas de Carazinho estão recebendo convites para mudarem de partido, como fez o vice-governador Ranolfo Vieira Junior, que irá para o PSDB.

Os secretários que estão no governo do estado Regina Becker e Ronaldo Santini seguirão o mesmo caminho tucano, bem como o deputado estadual Aloisio Classmann.

Outro petebista, o deputado federal Maurício Dziedricki, vai mudar para o Podemos.

Para quem não lembra, essa debandada petebista começou com a briga do diretório estadual com o presidente nacional Roberto Jeferson.

Ainda sobre Carazinho, esse grupo da comissão provisória pretende ficar no PTB e organizar sua participação nas eleições de 2022, definindo quem irá apoiar.

Pelo menos, é o que cogitam neste momento.

Preferem manter os prováveis nomes dessa comissão provisória sem divulgação, por enquanto.








 

Compartilhe esta coluna em suas redes sociais