Coluna Circulando e a política atual.

Otimismo.

Ana Maria Leal
Janeiro 21/ 2022

Ainda repercutindo a pesquisa da RealTime Big Data, divulgada na última segunda-feira (17), pelo Correio do Povo, hoje confirmei o otimismo de Marcos Soares, a frente do DEM em Carazinho, com os resultados em torno do nome do pré-candidato do partido na disputa pelo Palácio Piratini.

Sabe-se que pesquisa é momento.

Mas, no momento em que foi feita e quando é perguntado sobre intenções de voto para governador do Rio Grande do Sul, em cenário sem o atual governador, o tucano Eduardo Leite, e sem o ex-governador, o emedebista José Ivo Sartori, Onyx Lorenzoni aparece com 20% dos votos.

Nesse cenário, é o melhor colocado.

No em que estão Sartori e Leite, fica praticamente num empate técnico com o emedebista, que tem 16%, e Onyx 13%.

Considerando que nem Sartori nem Leite falam em ser candidatos, é um bom resultado.

Onyx ainda está no DEM, mas já foi falado que sua filiação ao Partido Liberal (PL) deve ocorrer em março.

Seguindo o que prevê o Tribunal Superior Eleitoral, o prazo para deixar o cargo de Ministro do Trabalho em razão das eleições é abril.

Conforme Marcos Soares, Onyx deve ter algum compromisso em Carazinho em março, quando estará na região para a Expodireto em Não-Me-Toque.

Na coluna, reprodução de foto de agenda anterior em Carazinho: Onyx e a esposa Denise, Elisângela e Marcos Soares, e Rodrigo Lorenzoni. 










Compartilhe esta coluna em suas redes sociais