Saúde

Pediatra recomenda que pais troquem presentes por experiências no Dia das Crianças

Jornalista Gazeta
Outubro 11 / 2018


Atividades em família podem estreitar o relacionamento com os filhos.

 

A sociedade do consumo e do instantâneo tem influenciado mudanças de comportamento nos últimos anos, principalmente nas relações interpessoais e familiares. Desta forma, o pediatra associado da Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul (SPRS), José Paulo Ferreira, destaca a importância das famílias aproveitarem a data para estreitar o convívio com os pequenos.

- Muitas vezes, devido ao ritmo acelerado do dia a dia, tenta-se compensar a ausência com brinquedos, trocando afeto por bens materiais, quando o que a criança quer é carinho. Como o que se leva dessa vida são as experiências, aproveite a ocasião para jogar bola no parque, fazer uma pequena viagem, um pic-nic, enfim, atividades que envolvam uma convivência familiar - sugere Ferreira.

Outra questão destacada pelo pediatra é o entendimento que algumas pessoas têm com relação ao custo do brinquedo, de que quanto mais caro, melhor pai ou mãe se é, uma concepção ligada ao consumo.

- É claro que não está proibido presentear a criança, portanto, quem estiver pensando em opções de mimos para marcar a data, busque jogos que estimulem a criatividade e sociabilidade dos pequenos - complementa o sócio da SPRS.

Quanto aos eletrônicos, a recomendação é objetiva: crianças pequenas não devem ter celular ou tablet. A indicação é que a inserção a estes meios seja feita a partir dos dez anos.


(Fonte: Playpress). 

Compartilhe esta notícia em suas redes sociais