Polícia

Comparativo da Polícia Civil de Carazinho aponta redução em crimes de homicídio

Jornalista Gazeta
Junho 12 / 2018

A delegada de polícia civil, Rita De Carli, participou do programa Lado a Lado Com a Notícia desta terça-feira (12) informando números de um recente levantamento realizado quanto aos crimes de homicídio, tentativa de homicídio e latrocínio (roubo seguido de morte) ocorridos em Carazinho.

O estudo diz respeito anos de 2016, 2017 e 2018.

Em 2016 foram 31 homicídios, 40 tentativas de homicídio e um latrocínio.

Em 2017, foram 18 homicídios, 31 tentativas de homicídio e 02 latrocínios.

Em 2018 (até o momento), 03 homicídios, 14 tentativas de homicídio, e 03 latrocínios.

Segundo a delegada as operações realizadas pela polícia civil assim como pela brigada militar na repressão a esses crimes, prisões, e elucidação dos crimes ocorridos, contribuíram para que houvesse essa redução.

Especificamente quanto ao primeiro semestres desses três anos, pode-se perceber essa queda.

Em 2016 (janeiro a junho) por exemplo, foram 11 homicídios, e em 2018, considerando a data atual, 03. Apenas quanto aos latrocínios é que o levantamento mostra o aumento de lá para a atualidade. Não houve nenhum naquele período, e três até agora. 



Compartilhe esta notícia em suas redes sociais