Região

Fábrica de Rações Cotrijal: equipe gabaritada e em dia com a legislação

Jornalista Gazeta
Abril 17 / 2018

A qualidade é questão prioritária na Fábrica de Rações da Cotrijal. Uma prova disso foram os dois treinamentos realizados na última semana. De 9 a 13 de abril, sob a coordenação da Certifee Consultoria, foi formada a equipe de auditores internos de boas práticas de fabricação, com capacitação relacionada a Instrução Normativa 4, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Em 28 horas de aula, os dez auditores receberam informações sobre os requisitos fiscalizados pelo Mapa, como aspectos relacionados a segurança do produto, qualidade da matéria-prima, controle de processos, rastreabilidade, recolhimento, dentre outros essenciais para a segurança de toda a cadeia produtiva.

E no dia 13 de abril, 30 colaboradores da área operacional fizeram um treinamento de reciclagem de quatro horas sobre a mesma norma, em relação a boas práticas de fabricação. O objetivo foi atualizar o grupo em relação a mudanças na legislação e sensibilizar para a importância dos controles e cuidados com foco na segurança do alimento, garantindo a credibilidade da marca, confiança e sustentabilidade do negócio.

A IN 4 rege as fábricas de ração no Brasil. Segundo a consultora Valesca Bicca Vieira, que conduziu capacitação, a área de segurança de alimentos é muito dinâmica e frequentemente há novidades e mudanças na legislação. ''A atualização é necessária porque permite inclusive melhorias nos processos'', aponta.

O gerente da Fábrica de Rações, Marlon Petry, explica que as exigências crescentes com os cuidados na produção de alimentos para animais, associadas às rotineiras fiscalizações por parte do Ministério da Agricultura, remetem à permanente busca por aperfeiçoamento nos requisitos de Boas Práticas de Fabricação, através do treinamento constante de toda a equipe. ''Os fiscais vêm fazer a inspeção sem nos avisar previamente, o que garante a confiabilidade da avaliação e dá segurança para nossos clientes, pois atesta nosso compromisso com a qualidade dos processos de fabricação, e consequentemente das rações'', avalia.

Fonte: Ascom Cotrijal.




Compartilhe esta notícia em suas redes sociais