Região

Soja: Detec da Cotrijal alinha informações de combate ao mofo branco

Jornalista Gazeta
Março 27 / 2018

Alinhar as informações referentes a incidência do mofo branco nas lavouras de soja da região. Este foi o objetivo da tarde de campo realizada pelo Departamento Técnico da Cotrijal no dia 21 de março, em Lagoa Vermelha.

A atividade foi direcionada para engenheiros agrônomos e técnicos da cooperativa e contou com a participação do pesquisador Ricardo Brustolin, mestre em Fitopatologia e focado no estudo do mofo branco. ''Nesta safra o produtor pôde conferir a presença mais agressiva desta doença e em regiões em que em anos anteriores ela não se manifestava. Buscamos alinhar essas informações, os manejos e as formas de controle para que esse problema não cause mais perdas em nossas lavouras'', destaca Juliano Recalcatti, gerente de Produção Vegetal da cooperativa.

O tour pelas áreas da região também ilustrou os conceitos que serão levados aos associados em reuniões técnicas. ''Nosso principal objetivo é fazer com que essas informações cheguem até os produtores. Percebemos que a ocorrência do mofo branco está diretamente ligada com a falta de manejo de conservação do solo e rotação de culturas. Por isso, vamos trabalhar junto ao produtor a retomada de alguns conceitos do Plantio Direto'', destaca Recalcatti. Ele informa que até meados de abril todas as unidades da cooperativa realizarão essas palestras técnicas.

Dica para colheita

Uma das recomendações para os produtores que estão focados no trabalho de colheita da soja está na limpeza do maquinário. O Departamento Técnico da Cotrijal orienta para que as máquinas colhedoras sejam limpas de maneira adequada após a colheita em áreas infectadas com o mofo branco. Esta prática ajuda para que outras áreas, livres da doença, não sejam contaminadas.

Fonte: Ascom Cotrijal.




Compartilhe esta notícia em suas redes sociais