Polícia

Resgatado corpos de operários que morreram soterrados em obra de Tupanciretã

Ana Maria Leal
Fevereiro 09 / 2018

Três trabalhadores que atuavam na construção de um silo na cidade de Tupanciretã foram soterrados por volta das 10h desta sexta-feira (09). Conforme as informações da Rádio Tupã, foi na propriedade da família Rupthental próximo ao Olho da Cobra, depois de um desmoronamento de terra onde eram feitas escavações.

Um dos corpos foi resgatado por volta das 16h, e houve o reconhecimento pelo próprio pai. Trata-se de Luis Fernando Gardenal, 26 anos, da cidade de Não-Me-Toque. Ele deixa esposa e filha.

Quanto aos outros dois operários os seus corpos foram resgatados por volta das 18 h. Segundo as informações repassadas pela Rádio Tupã, uma das vitimas foi identificada como Anderson Ricardo Leite de 22 anos , ele era morador de Carazinho do bairro Glória da Travessa Andrade Neves o outro corpo encontrado seria de um homem identificado apenas como Ronaldo ele não possuía documentos, mais estava com seu celular onde os bombeiros contataram um familiar que informou apenas o seu primeiro nome.

O local segue isolado, pela polícia civil e brigada militar para aguardar a chegada da perícia.

A empresa que estava executando o trabalho era terceirizada.

A foto da obra é da Rádio Tupã, e a de Luis Fernando, do perfil no facebook.




Publicado por: Ana Maria Leal E-mail: anamaria@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais