Educação

UPF é contemplada em edital da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia

Ana Maria Leal
Janeiro 08 / 2018

Com projetos qualificados e pesquisas em desenvolvimento, a Universidade de Passo Fundo (UPF) tem conquistado importantes recursos, vindos dos mais variados setores. Recentemente, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDCET) do Rio Grande do Sul divulgou os contemplados no edital 02/2017 do Programa Gaúcho de Parques Científicos e Tecnológicos, disponibilizando um recurso de R$ 16 milhões. A UPF teve três projetos aprovados, recebendo mais de R$ 2,5 milhões para investimento em pesquisa, ensino, inovação e tecnologia.

Os recursos serão investidos no projeto para ampliação da estrutura da Central Multiusuários do Parque Científico e Tecnológico do Planalto Médio (R$ 870.594,64), implantação de um centro de diagnóstico e pesquisa em sanidade animal para a cadeia produtiva de aves, suínos e bovinos (R$ 951.831,06) e implantação de análises de água para apoio ao setor produtivo alimentício (R$ 765.801,91).

Segundo o vice-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Dr. Leonardo José Gil Barcellos, os recursos são resultado do esforço e do trabalho de professores e alunos, garantindo o crescimento institucional. ''Esses projetos, além de qualificarem a pesquisa, qualificam o ensino e a prestação de serviços, uma vez que muitos dos laboratórios que hoje estão disponíveis para professores, alunos e comunidade foram construídos na Universidade por meio de projetos. Hoje, a Instituição atua de forma bastante competitiva nos editais e é uma das que mais aprova'', destacou.

 

O edital

Ao todo, 27 projetos vinculados a universidades gaúchas receberão R$ 16 milhões em 2018 para o fortalecimento da inovação, da ciência e da tecnologia.

Os projetos selecionados para fazer parte do programa de Polos Tecnológicos, RS Incubadoras e Programa Gaúcho de Parques Tecnológicos, da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, foram selecionados a partir dos editais lançados no último mês de julho.

As universidades classificadas para participar do programa são Feevale, Universidade de Passo Fundo (UPF), Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade Federal do Rio Grande (FURG), Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), Universidade de Cruz Alta (Unicruz), Unisinos, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijui) e Universidade do Vale do Taquari (Univates).

Fonte: Ascom UPF. 



Publicado por: Ana Maria Leal E-mail: anamaria@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais