Esporte

Patrick é apresentado como reforço colorado

Ana Maria Leal
Janeiro 05 / 2018

O meio-campista Patrick, de 25 anos, foi apresentado na manhã desta sexta-feira (05/01) como novo jogador do Internacional. Ele defendeu o Sport Recife no Campeonato Brasileiro da Série A de 2017. Em sua primeira entrevista coletiva como jogador do Inter, ele ressaltou que a grandeza do Clube do Povo foi um aspecto que pesou na sua decisão de aceitar a oferta colorada. Também destacou ter versatilidade para atuar em diferentes posições na equipe que está sendo montada pelo treinador Odair Hellmann.

Na apresentação oficial, o vice-presidente de Futebol do Inter, Roberto Melo, elencou alguns dos motivos pelos quais o Clube contratou o meio-campista Patrick: "É um jogador quem vem dentro da nossa filosofia de trazer atletas com fome de jogar futebol, de vencer na carreira. Também é um jogador versátil. Se destacou no ano passado de volante e lateral-esquerdo. Começou a temporada no Goiás, foi destaque no Campeonato Goiano como lateral-esquerdo, depois no Sport foi um dos destaques no Campeonato Brasileiro da Série A. Foi um dos grandes roubadores de bola. Vai agregar bastante qualidade ao grupo".

Por outra parte, Patrick comentou sobre diversas situações, como sua transferência para o Inter, disputa por vagas na equipe e o contato inicial com o novo treinador Odair Hellmann. 

A escolha pelo Inter

"O Inter é uma equipe muito grande no cenário brasileiro, no cenário mundial, tem um torcida muito forte. Está sempre brigando por títulos. Foi um fator que pesou bastante. Venho com a motivação lá em cima".

Disputa pela titularidade no meio-campo colorado

"São jogadores de qualidade. Eu sou canhoto, faço o lado esquerdo. Vamos fazer uma disputa sadia, sempre visando o melhor do clube. Não jogo só de volante, eu faço outras funções, então isso pode ajudar".

Sua versatilidade

"Comecei de lateral na minha carreira, depois passei para volante e joguei por um bom tempo como volante, mas sempre deixei em aberto outras possibilidades. Gosto é de jogar futebol. Quando me colocam no campo, sempre tento dar meu melhor. Faço bem o lado esquerdo seja como lateral, mais à frente e aberto como ponta ou como volante. Sempre trabalho para aprimorar cada função".

Odair Hellmann

"Ele expôs bem a ideia dele de jogo. Ele disse que, a princípio, me usaria naquela função (mais adiantado pela esquerda), mas sabe que eu faço outras funções. Ele começou implantando a parte tática, o que é importante nesse começo de temporada. É um treinador com vontade de vencer, que está tendo oportunidade. Tanto ele quanto jogadores vão se doar em prol do inter. Ele tem estudado, implantando ideias boas. Esta sintonia vai ser boa para o Inter na temporada".

Foto Ricardo Duarte/ Site oficial do Clube. 



Publicado por: Ana Maria Leal E-mail: anamaria@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais