Esporte

Gremistas de Carazinho acompanham tricolor nos Emirados Árabes

Emilio Arruda
Dezembro 14 / 2017

Carazinho está representando nos Emirados Árabes por mais de dez torcedores que estão acompanhando o Grêmio no Mundial de Clubes. Apaixonados pelo tricolor eles não poderiam ficar de fora desta grande decisão que pode dar ao Grêmio o segundo título do mundial. 

Um dos carazinhenses que acompanha de perto o tricolor é o empresário e advogado Eugênio Grandó, que concedeu entrevista para a Rádio Gazeta AM nesta quinta-feira (14). Para ele, no primeiro jogo diante do Pachuca, o time entrou nervoso em campo. ''Tivemos algumas falhas individuais, principalmente do Jaílson, mas no final foi um bom jogo, quem acompanhou pela televisão deve ter percebido que o time do México queria levar a partida para os pênaltis'', comentou o carazinhense.

Expectativa da final

O Grêmio conheceu o seu adversário na grande final. O duelo do próximo sábado será contra o Real Madrid, atual campeão do torneio. Será a segunda vez na história que as equipes irão se enfrentar, porém, a primeira em uma partida oficial. Em 1961, o Grêmio enfrentou os espanhóis em um amistoso realizado na França, ocorrido durante a primeira excursão Tricolor à Europa. 

O carazinhense arriscou um palpite de 1x0 para o Grêmio. ''Será um jogo bastante difícil, mas a obrigação maior é do Real Madrid e isso pode favorecer o Grêmio'', disse o advogado. 

A partida será realizada neste sábado, às 21h no horário local (15h no horário brasileiro). No jogo, o Grêmio contará com o apoio de mais de 7 mil torcedores, que invadiram Al Ain e que devem receber ainda um reforço significativo para a partida final em Abu Dhabi.


(Foto: Divulgação)




Publicado por: Emilio Arruda E-mail: emilio@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais