Polícia

Operação Puro Sangue contra os maus-tratos aos animais é deflagrada em Porto Alegre

Ana Maria Leal
Maio 15 / 2017

Na manhã desta segunda-feira (15) a Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Proteção e Defesa do Meio Ambiente (DEMA) do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), deflagrou a Operação Puro Sangue, com o objetivo de reprimir os maus-tratos a cavalos em Porto Alegre.

Segundo a delegada Marina Goltz, a ação ocorreu em um estabelecimento comercial no bairro Anchieta, em conjunto com a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Associação Rio-Grandense de Proteção aos Animais (ARPA) e Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Sul (DETRAN). "A ação teve como alvos os carroceiros que procuram o local para recolher frutas, verduras e papelões em razão das inúmeras denúncias de maus-tratos recebidas pela DEMA'', conta a delegada.

Foram apreendidos quatro cavalos, dois deles por maus-tratos contra animais. Os proprietários foram conduzidos para a DEMA e responderão a termo circunstanciado pelo crime de maus-tratos contra animais, com pena de detenção, de três meses a um ano, e multa. Além disto, dois dos proprietários, que utilizavam carroças em seus cavalos, responderão administrativamente por descumprimento à lei municipal que proíbe a circulação de carroças. Os cavalos apreendidos foram encaminhados ao Abrigo de Animais da EPTC, no bairro Lami. As carroças apreendidas foram destinadas ao depósito da EPTC.

Com informações e foto: Polícia Civil.

Disque-denúncia 0800 510 2828 / WhatsApp e Telegram (51) 98418.7814

Fonte: DEMA/DEIC.






Publicado por: Ana Maria Leal E-mail: anamaria@gazeta670.com.br
Compartilhe esta notícia em suas redes sociais