Coluna Circulando e a política atual.

''Não é hora de politizar''.

Ana Maria Leal
Fevereiro 27/ 2021

Enquanto vivemos no Rio Grande do Sul, segundo a classe médica, a pior semana no enfrentamento ao coronavírus, as lideranças políticas se unem para pedir a população algo que não é nenhuma novidade e muito menos difícil: seguir as medidas de prevenção.

Não adianta agora dizer que o cenário atual poderia ter sido evitado se nos últimos três meses, pelo menos, tivéssemos tido comportamentos diferentes, principalmente quanto às aglomerações.

Cabe agora, apenas, nos adequarmos às restrições dos decretos que estão se sucedendo.

Ao participar do Lado a Lado nesta sexta-feira (26) o presidente da Assembleia Legislativa do estado, deputado Gabriel Souza (MDB) disse que a preocupação, o medo, não é apenas de quem já se contaminou - caso dele mesmo - mas de todos à medida que acompanham os ''relatos apavorantes'' dos hospitais.

Disse que a decisão do governador quanto aos protocolos de bandeira preta, que passam por ajustes, é algo que nenhum governante quer. ''Foi uma decisão muito difícil, triste, que ninguém gostaria de ter tomado,  e corajosa''.

Para o deputado o que não cabe neste momento é politizar, ideologizar.

''Se está certo ou errado, cada um tem sua opinião, mas o que precisamos é evitar a proliferação do vírus. Não é hora de politizar, ideologizar esse tema tão importante, isso tem atrapalhado esse enfrentamento. Peço a sociedade que nos próximos dias cuidem das suas vidas e das vidas das pessoas próximas e desconhecidos, não é porque pegou, porque  é jovem, atleta, que não vai se preocupar, porque vai ser fonte de contaminação, de infecção, seja de uma pessoa da nossa família ou de que nem conhecemos, mas que merecem respeito e dignidade''.





Compartilhe esta coluna em suas redes sociais