Literatura e Português

Como usar corretamente os Sinais de Pontuação em REDAÇÃO?

Maria Solange
Setembro 02/ 2020

                               Para iniciar um lembrete muito importante:

NUNCA se separa o sujeito de seu verbo nem o verbo de seus complementos por vírgula.


Evite usar ponto no título. Ou então, só use quando o título possuir uma forma verbal. Caso contrário, é incorreto o seu uso. Ex.: O mundo precisa de empatia. (pode ser com ou sem ponto-final, devido à presença do verbo “precisa”)

Use a vírgula para separar os adjuntos adverbiais deslocados. Ex.: De repente, ouviu-se um grito. Os alunos leram, na biblioteca, os livros solicitados pelo professor. Às vezes, fico pensando como a vida está difícil. Penso que, muitas vezes, nós somos os únicos responsáveis pelo excesso de lixo atirado nas ruas.

Use a vírgula para isolar as conjunções: portanto, por isso, entretanto, no entanto. Ex.: Estudamos bastante, entretanto, não conseguimos uma boa nota, por isso, precisamos mudar a técnica de estudo.

Use a vírgula para separar orações independentes. Ex.: As pessoas andam estressadas, não dialogam mais com ninguém, vivem isoladas em seu canto, não se importando, muitas vezes, nem com a própria família.

Procure fazer frases mais curtas, porque, além de facilitar na compreensão das ideias, você não corre o risco de errar na pontuação.

Quando usar elementos explicativos (isto é, ou seja, ou melhor), isole-os por vírgulas. Ex.: O governo precisa melhorar a situação do idoso, ou seja, proporcionar uma qualidade de vida que lhe  permita frequentar todos os lugares da cidade.

Se usar citações de outros autores, recomenda-se usar antes da citação dois-pontos e depois, aspas. Ex.: Já dizia o poeta Mário Quintana: “Uma vida não basta apenas ser vivida, ela também precisa ser sonhada”. Ou então, quando se refere a um comentário lido em jornais ou revistas. Ex.: Segundo eu li na Revista Veja, “ a maioria dos casos de violência contra crianças começa dentro da própria família...”

Use a vírgula quando precisar listar alguns itens ou enumerar. Ex.: Os jovens saem à noite e vão para bares, postos de gasolina, boates, festas. Drogas,  bebida, alta velocidade, más companhias, tudo isso gera a perdição da nossa juventude.   

Se, no decorrer do texto, você quiser destacar alguma ideia ou expressão, pode usar os travessões. Ex.: Penso que hoje – em pleno século 21 – não deveria existir essa questão de preconceito, seja ele qual for.  

É aconselhável usar as reticências em vez de “etc.”. Esteticamente, dá uma melhor impressão. Ex.: Acredito que todos nós somos responsáveis pelos cuidados com o meio ambiente, desde crianças, jovens, adultos, governantes, sociedade em geral...

Se usar o ponto-de-interrogação no título do texto, procure responder a esse questionamento no decorrer da argumentação. Na conclusão, se você quiser deixar uma questão como reflexão, pode usar esse tipo de ponto. Ex.: ... até quando vamos suportar esses abusos contra a mulher em nossa sociedade? Você já parou para pensar que, de repente, pode ser você mesmo que precisará de um órgão para sobreviver? 

Nunca use os parênteses para colocar coisas erradas. Eles servem para colocar explicações ou observações a mais. Ex.: Mário Quintana (poeta gaúcho) escreveu tanto para crianças como para adultos.




Compartilhe esta coluna em suas redes sociais