Coluna Circulando e a política atual.

Foco no legislativo.

Ana Maria Leal
Agosto 03/ 2020

O vice-prefeito de Carazinho falou em entrevista hoje durante o Lado a Lado Com a Noticia sobre seus planos para as eleições municipais de 15 de novembro.

Fernando Sant'Anna de Morais afirmou que não pretende colocar seu nome novamente à disposição do Progressistas para possível majoritária a ser construída.

Essa possibilidade existe na convenção a ser marcada.

Fernando, assim como Alexandre Capitânio, perderam em número de votos para Albano Kayser na pré-convenção feita pelo PP no mês que passou.

Caso algum deles queira manter essa vontade na convenção, é perfeitamente legal.

Fernando não quer.

Sua decisão, pelo menos neste momento, é estar na nominata do partido para disputar uma vaga na câmara de vereadores, onde começou sua caminhada política nas eleições de 2012, e cumpriu o primeiro mandato, de 2013 a 2016.

A decisão foi tomada em família, e como Fernando é pré-candidato a vereador, seu irmão, Rafael, que iria concorrer a vereador, naturalmente, declina da ideia.

Entre eles prevaleceu o pensamento de que o nome a estar na nominata é o do vice em razão de que já esteve no passado na câmara, e está há mais tempo num cargo público, com o espaço de vice do prefeito Milton nesses quatro anos, de 2016 até o final deste ano.

Fernando também tornou público seu voto dado na pré-convenção quanto ao Progressistas estar coligado para disputar a prefeitura em 15 de novembro, disse que está com a maioria para que o partido esteja mobilizado para voltar a administrar Carazinho.

 

 


Compartilhe esta coluna em suas redes sociais