Português e Literatura

Na indecisão do ENEM, aproveite para treinar a REDAÇÃO

Maria Solange
Maio 19/ 2020

Como já iniciaram as inscrições para a prova do ENEM, e ainda não está nada certo se a sua realização será prorrogada ou não, devido a esta pandemia que veio sem ser convidada, vamos aproveitar esta quarentena para colocar em dia as nossas leituras e a prática de escrever redações, modalidade ENEM, em que se exige uma sugestão de proposta de intervenção que respeite os direitos humanos. Vamos a algumas dicas de como aproveitar este tempo:

                 1ª -> Organize um horário para a leitura de textos jornalísticos e/ou livros de Literatura, Filosofia, Sociologia (pode iniciar com 20 minutos ou mais, uma vez por semana).


                  2ª ->  Escute músicas da MPB – sugestão da UFRGS – álbum de Chico Buarque – Construção, e de Elis Regina & Tom Jobim. Mentalize a letra e reflita a ideia central (isso pode ajudar na argumentação da redação, dependendo do tema).


                   3ª -> Escreva sobre os últimos acontecimentos, o que está lhe chamando a atenção, o que a sociedade está fazendo, o que as autoridades enfatizam. Além desse coronavírus, o que mais está acontecendo no país e no mundo, e muitas pessoas não estão percebendo...


                  4ª -> Pense em possíveis temas de redação, leia, pesquise, assista a documentários e depois, escreva sobre o assunto escolhido.


                   5ª -> Elabore  propostas de intervenção para resolver ou amenizar o problema em questão. Mas propostas viáveis, possíveis de serem realizadas, que sejam diferentes, e quem as executará, de que maneira, lembrando sempre que essa proposta deve respeitar os direitos humanos e evitar que a responsabilidade seja apenas do governo. Em muitos casos, a responsabilidade cabe a  cada cidadão, porque se cada um fizer a sua parte, as coisas serão diferentes.


                   6ª -> Exercite a leitura com compreensão e interpretação, ou seja, ao ler um artigo, crônica ou reportagem, pergunte a si mesmo  o que leu e o que entendeu do assunto. Este exercício dá para fazer com a família. Escolha um texto e leia em voz alta e depois, pergunte sobre o que era, qual o assunto. Depois, comentem, discutam as ideias e pensem numa possível solução para o problema (tudo isso depende do texto lido).


                  7ª -> Quando for fazer uma redação, procure limitar o tempo. Prepare-se para este momento. Não deixe que nada o distraia. Marque no relógio o início e depois, esqueça de olhar a hora. Só depois de concluída, você poderá verificar quanto tempo você demorou. Procure não ultrapassar a uma hora e meia. Esse é o limite de tempo para não comprometer o resto das questões no dia da prova. Se passou desse tempo, procure na próxima diminuir. 


                   8ª -> Procure escrever uma redação por semana com a sua proposta de intervenção diferente das que já existem. Vou citar alguns temas para você exercitar:

a-Desafios pós-pandemia

b- Feminicídio – aumento aqui no RS

c- Campanha sobre a prevenção da gravidez na adolescência

d- Felicidade na era contemporânea: como construí-la?

e- Deve-se proibir a publicidade de bebidas alcoólicas nas mídias sociais?



(Foto: Divulgação)



Compartilhe esta coluna em suas redes sociais