Coluna do Imortal

De Histórico para Vergonhoso!

Alexandre Ricardo Schneider
Março 13/ 2020

O Gre-Nal histórico da Copa Libertadores era um belo jogo, cheio de alternativas, disputado, limpo, times procurando a vitória, transmissão pelo facebook, arena lotada, entretanto aos 41 minutos do segundo tempo uma pancadaria geral entre os jogadores de Grêmio e Inter manchou o primeiro clássico em mais de 60 anos de Libertadores. Ao todo foram 8 expulsões. Um fiasco que não vale maiores comentários e que merece uma punição exemplar por parte da Conmebol, pois não é admissível que atletas profissionais protagonizem estas cenas lamentáveis.

Sobre o jogo, não houve surpresas ou inovações por parte dos treinadores, ambos optaram por repetir as escalações e manutenção das equipes. O Grêmio iniciou o jogo pressionando o adversário, criando oportunidades e somente não abriu o placar em uma cabeceada de Diego Souza graças ao arqueiro colorado. Aos poucos, o Tricolor cedeu espaços e viu o Inter crescer na partida, que não soube transformar em gol as chances criadas.

Na segunda etapa, com a entrada de Jean Pyerre, o Imortal equilibrou as ações e o jogo ficou mais aberto, com chances para ambos, intensificando o ritmo do jogo. Numa das melhores chances do Grêmio, Luciano sai na cara do goleiro e tentou por cobertura, mandando sobre o gol. Nos acréscimos quando as equipes já estavam com 8 jogadores em campo, Lucas Silva acertou o travessão para emoção da torcida tricolor. Apesar das chances, o placar não saiu do 0 x 0.

Sobre a parte vergonhosa do jogo, Grêmio e Inter perderam grande oportunidade de dar exemplo para todos através do campo de futebol! 

Bom final de semana a todos!

Abraço.





Compartilhe esta coluna em suas redes sociais