Apaixonados pelo Colorado

Responsabilidade que aumenta

Anderson Amaral
Julho 29/ 2019

A cada rodada dos três campeonatos que o Internacional está disputando, a responsabilidade de bons resultados aumenta, pois as tabelas vão se afunilando, restando poucos times em condições de disputar os títulos.

Na Copa do Brasil o colorado já está credenciado para a disputa da Semi Final contra o Cruzeiro, no mês de agosto, a primeira partida em Belo Horizonte e a segunda no Beira Rio.

No Campeonato Brasileiro, com a vitória no último sábado contra o Ceará, o time se manteve dentre os seis times com vaga na Libertadores de 2020, tendo diminuído a diferença para o Palmeiras, agora de 7 pontos.

Por mais que somente o titular Marcelo Lomba tenha iniciado o jogo, o Internacional mostrou sua força no Beira Rio, com destaque para a gurizada, formada pelo Nonato e o zagueiro Fucks, este demonstrando segurança de veterano, tendo, ao final do jogo, se lesionado, tendo entrado em seu lugar Victor Cuesta nos últimos 15 minutos.

E na Copa Libertadores, na próxima quarta feira mais de 47 mil colorados irão tentar manter a vantagem obtida no Uruguai, no jogo de volta contra o Nacional. Com certeza será um jogo eletrizante, pois a vitória obtida em Montevideo nada garante, tendo em vista que um simples gol do adversário já provocará a disputa pelos temidos pênaltis.

É claro que o colorado tem a vantagem do empate para poder passar de fase e disputar as quartas de finais, além de jogar em seus domínios, onde a força da torcida tem se mostrado um aliado fatal na obtenção dos resultados, mas nada está resolvido.

De qualquer forma deve o time, que deve ter a mesma escalação que iniciou no Uruguai, manter a mesma pegada, pressionando o adversário desde o início, ampliando a vantagem, evitando correr riscos como por exemplo a disputa de pênaltis.

Diante deste quadro de bons resultados, amplia a esperança da torcida e algum título, pressionando a direção, comissão técnica e jogadores, em conseguir novas vitórias. Devemos nós torcedores ter a noção e o bom senso de ser impossível a obtenção de ótimos resultados nos três campeonatos, mas sim a certeza de que o time está fazendo de tudo para ir o mais longe possível. 

 Nunca esqueçamos que há menos de dois anos, estávamos disputando a segunda divisão, envolvidos em inúmeros problemas financeiros e até criminais praticados pela Direção anterior a do atual presidente Marcelo Medeiros, podendo assim se dizer que este ano de 2019 está sendo muito bom, aquém inclusive de nossas expectativas. Mantenhamos a humildade.

Que se mantenha esta boa fase.

Grande abraço.



(Foto: Divulgação/Inter)




E-mail:
Compartilhe esta coluna em suas redes sociais