Literatura e Português

LER e ESCREVER - fundamentos da REDAÇÃO

Maria Solange
Março 06/ 2019

Hoje começarei o meu texto com uma declaração de Bill Gates, com a qual concordo plenamente: ''Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, eles serão incapazes de escrever - inclusive sua própria história''. Essa afirmação expressa, com certeza, a importância da leitura para poder escrever um bom texto. Além de melhorar a escrita e estimular a imaginação, ela também proporciona diferentes tipos de conhecimentos em várias áreas e para toda a vida.

Em especial para aqueles que irão participar da prova do ENEM, a leitura de atualidades é indispensável. Daí ler muito jornais, revistas, livros; assistir a documentários; participar de rodas de conversas sobre o que está acontecendo para, aos poucos, ir se inteirando dos fatos  à sua volta. E um detalhe muito importante quando estiver lendo, é compreender o assunto, verificar se realmente entendeu para depois elaborar a sua opinião.

Quando o assunto for polêmico, procure emitir um posicionamento com argumentos consistentes, explicando por que você é contra ou a favor de tal situação. Nunca fique ''em cima do muro'', como se costuma dizer. Leia muito sobre o assunto, analise, pondere, veja os dois lados da questão para depois se posicionar. Lembre-se de que você tem que convencer o avaliador da sua redação que os seus argumentos são os melhores. 

Uma dica muito producente que faz com que você melhore a sua argumentação é, sempre que ler alguma notícia, crônica ou reportagem, procurar emitir a sua opinião por escrito, escrevendo as ideias que aflorarem depois de lida a matéria. Mas antes de opinar, pense com discernimento sobre aquilo que leu. E outro ponto que é cobrado na redação do ENEM é elaborar uma proposta de intervenção, ou seja, procurar dar uma alternativa de solução para o problema em questão e explicar como seria essa metodologia, a quem caberia tomar a iniciativa para tentar resolver o embate.

Sabe-se, de fonte segura, que quase sempre o assunto cobrado na redação é elaborado até aproximadamente o mês de junho. Então, fique atento às notícias e aos fatos que estão ocorrendo desde janeiro para se inteirar, lendo, anotando, escrevendo, produzindo textos dissertativos-argumentativos, buscando informações, trocando ideias, tirando dúvidas...



(Foto: Divulgação)



                                          

Compartilhe esta coluna em suas redes sociais