Coluna do Imortal

No sufoco

Alexandre Ricardo Schneider
Agosto 29/ 2018

Não faltaram emoções no jogo de ontem contra o Estudiantes/ARG pela Copa Libertadores. Gol no início do selecionável Everton, para o delírio da torcida, falha do Jaílson e do Geromel no mesmo lance que culminou no empate, jogando uma ducha de água fria nos torcedores, tudo isso em menos de 10 minutos de jogo, e depois o que se viu foi muita posse de bola por parte do Grêmio, pressão, ataque contra defesa, mas poucas oportunidades claras de gol. Quando tudo parecia perdido, de forma eletrizante os mais de 48 mil torcedores que foram a Arena enlouqueceram com o gol de Alisson marcado nos acréscimos da segunda etapa, garantindo a disputa da vaga para as quartas de finais nos pênaltis.

O histórico recente de cobranças de pênaltis remetia a um drama para o imortal tricolor, mas de forma competente todos os gremistas acertaram suas cobranças (Maicon, Everton, Jael, Alisson e André), enquanto o adversário isolou uma cobrança, decretando 5 a 3 para o Grêmio e mantendo vivo o sonho do TETRACAMPEONATO DA AMÉRICA.


Alexandre R. Schneider



(Foto: Divulgação/Grêmio)


Compartilhe esta coluna em suas redes sociais