Coluna Circulando e a política em Carazinho.

Substituição.

Ana Maria Leal
Outubro 09/ 2017

O pedetista Anselmo Britzke (Gauchinho) confirmou em conversa comigo nesta segunda-feira (09) que pensa em se afastar do legislativo por uns dias, mas negou que o motivo seja não estar presente na votação que deve ocorrer em breve e vai ter na pauta a cassação do vereador Clayton Pereira, do partido Solidariedade.

Os boatos são de que seria uma maneira de evitar a votação, deixando que seu suplente Vitor Xavier assumisse.

Gauchinho me disse que o motivo de cogitar o afastamento é familiar, pois o pai trata de uma doença grave e a mãe vai fazer uma cirurgia. A situação tem pesado no seu dia-dia.

''De jeito nenhum o motivo seria não estar aqui para votar no dia da cassação, até porque se meu suplente estiver ele vai seguir o meu voto, ou eu posso voltar só no dia da votação'', afirmou Gauchinho, que vai verificar com o procurador jurídico da câmara a maneira de encaminhar esse afastamento.

Na primeira sessão que tratou do tema Gauchinho votou contra a cassação de Clayton. 






Compartilhe esta coluna em suas redes sociais