Nutrição e Saúde.

Inverno e a sua inter-relação com a imunonutrição

Luísa Vargas
Julho 29/ 2017

Enfrentar essas mudanças de temperatura, quando os problemas respiratórios se tornam mais frequentes, requer maior atenção ao que se coloca no prato, a fim de que uma boa nutrição é a base para um sistema imunológico saudável!   

Vários nutrientes apresentam propriedades moduladoras do sistema imunológico. A vitamina C é o nutriente mais falando quando o assunto é este, porém, a ingestão adequada de betacaroteno, vitaminas A, B, D, E, polifenóis, ômega-3, ômega-6, zinco, selênio, cobre também é fundamental para a boa atuação dos mecanismos imunológicos. Não podemos esquecer que o alho é também um poderoso antioxidante com grande indicação na melhora da defesa imunológica, assim como cogumelos(maytake, shitake e outros) e gengibre, ricos em zinco e poderosos imunoestimulantes.   

Além disso, a dica é incluir diariamente os alimentos como: frutas, verduras e legumes (fontes de betacaroteno, vitaminas e polifenóis), peixes marinhos (ômega-3, ferro, cobre, zinco), cereais integrais e oleaginosas (ômega-6, selênio, vitaminas) e alimentos lácteos (vitaminas A e D) para garantir boa saúde imunológica.

As sopas e alguns chás são grandes aliados a boa saúde, além de conterem temperaturas agradáveis a estação. Invista neles também!




(Imagem meramente ilustrativa) 

Compartilhe esta coluna em suas redes sociais