Coluna dos apaixonados pelo Colorado.

Perdendo oportunidades

Anderson Amaral
Julho 25/ 2017

Mais uma rodada da Série B passou e de novo o Internacional perde a oportunidade de ingressar no grupo seleto dos quatro primeiros classificados e que serão promovidos para a Série A.

O jogo do último sábado foi mais uma demonstração de que o comando técnico colorado não está surtindo efeito entre os jogadores. Foi um futebol pobre apresentado para mais um final de semana sem obter qualquer ponto.

Após o final do jogo várias suposições sobre a saída de Guto Ferreira. Dentre estas estão os nomes de Dunga, Roger Machado e até Luiz Carlos Winck.

Mas a Diretoria resolveu dar mais uma chance ao treinador Guto Ferreira, para o jogo de hoje a noite contra o OESTE, no Beira Rio. Eventual insucesso, com certeza, irá provocar a demissão de Guto Ferreira e a busca de outro nome.

Sem sombra de dúvidas, a Direção do Internacional está repetindo os mesmos erros do ano anterior, dentre os quais, a contratação de técnicos sem expressão e as repetidas trocas, muitas sem critérios. 

Lá se foram 14 rodadas e estacionamos nos 24 pontos, insuficientes para nos dar tranquilidade na tabela da Série B. 

Talvez nem os quero-queros que sobrevoam o Beira Rio acreditavam que passada a metade do ano, estaríamos numa situação preocupante na segundona, sofrendo derrotas de times sem qualquer expressão no futebol brasileiro, mas que ao enfrentar o colorado, se transformar em barreiras intransponíveis.

A chegada de Leandro Damião (Flamengo)  e Camilo (Botafogo), poderão proporcionar acréscimo de qualidade no meio campo e ataque, mas, o que se vê é a ausência de preocupação da Diretoria com a defesa do time, setor que tem apresentado falhas bisonhas e infantis, não oferendo qualquer segurança em qualquer tipo de ataque dos times adversários.

Esta situação de desespero diante da situação na tabela, tem tornado os jogadores totalmente inseguros e descrentes de suas virtudes. Não existe jogador no mundo que não seja contagiado pela má fase de um time, pois se formos analisar individualmente os atletas colorados, com certeza a avaliação seria positiva.

Temos fé ainda na classificação, pois apesar de todo este quadro, estamos a dois pontos da zona de classificação e a 4 pontos do primeiro colocado, hoje, o América de Minas Gerais.

Esta é a realidade da Série B.


Grande Abraço. 



(Foto Ricardo Duarte: site oficial do Clube).

E-mail:
Compartilhe esta coluna em suas redes sociais