Coluna sobre Literatura e Português

Vestibular da UPF neste final de semana

Maria Solange
Junho 06/ 2017

          Neste próximo final de semana, temos o vestibular da UPF. E como se sabe, a redação é fator de suma importância na hora da seleção dos candidatos. Uma vez, ela era classificatória. Hoje, mudou. Ela é eliminatória, ou seja, se o candidato zerar na redação, ele já está fora do concurso, independente da nota nas outras disciplinas. Por isso, todo cuidado se faz indispensável na elaboração da redação. Para isso, vão aqui algumas informações muito importantes:

        ->Sempre há dois temas: um polêmico e outro mais abstrato. Leia com atenção as duas propostas para escolher aquela cujo assunto você sabe mais. Preste atenção na delimitação temática para ver o que realmente eles estão solicitando.

       -> O texto a ser escrito é quase sempre dissertativo-argumentativo  com defesa de um ponto de vista, sempre usando argumentos claros, precisos e coerentes.

       -> O limite de linhas é de 20 a 35, distribuídos de 3 a 5 parágrafos. Quem não obedecer ao limite pode ZERAR a redação.

       -> É obrigatório o uso do título (evitar usar uma única palavra); apenas a primeira palavra deve ser escrita com letra maiúscula, a não ser que seja um nome próprio nas demais.

      -> Demonstrar conhecimento do assunto através do uso da intertextualidade, citações de fontes em que foi lido sobre o assunto. Isso demonstra que o candidato tem leitura.

      -> Coerência e coesão são indispensáveis ao bom texto. Para isso, use períodos mais curtos e conjunções adequadas à ideia expressa.

     -> O parágrafo da Introdução e da Conclusão devem ser menores que os parágrafos do Desenvolvimento. Porque na Introdução, apenas introduz o assunto dando umas ?pinceladas? sobre o que se vai discorrer e na Conclusão, é o fechamento das ideias, tendo em vista o que foi desenvolvido anteriormente.

    -> Cuidar a legibilidade: letra ilegível ZERA a redação. Evitar rasuras  e deixar espaços consideráveis nas laterais do texto bem como entre as palavras.

     -> Cuidar a correção gramatical (ortografia, acentuação, crase...) bem como a concordância verbal e nominal. Quanto à pontuação, muito cuidado. Pois cada vírgula mal colocada ou não colocada corresponde a um erro.

       -> Sugestão: Faça primeiro a redação, pelo menos, o rascunho. Porque no início, você está mais tranquilo, as ideias fluem mais rapidamente.

            Tomei a liberdade de indicar alguns possíveis temas de redação. Não custa dar uma olhada e ler alguma coisa sobre eles:

            a-Redes sociais na vida das pessoas -> questão da privacidade, dos limites, em especial nas crianças e adolescentes.

           b-Conviver com as diferenças -> saber conviver e respeitar qualquer diferença.

           c-Doação de órgãos e de sangue -> necessidade urgente de ser solidário com a vida do nosso próximo. Há falta de informação sobre esse tema, por isso, as pessoas não doam.

          d-Automedicação -> necessidade urgente de alertar as pessoas quanto aos perigos de se automedicarem. Ter em mente que o que é bom para uns não é bom para outros.

           e-Transporte alternativo -> para evitar o congestionamento de carros; evitar a poluição; diminuir o índice de acidentes. Procurar outras alternativas como rodízio de carona, andar de bicicleta, ônibus, caminhar (caso não seja muito longe)...

            f-Diferentes concepções do TEMPO -> viver em função do passado; viver exclusivamente o dia de hoje ou não se afobar, que há tempo para tudo. Com qual concepção você mais se identifica e por quê?



Compartilhe esta coluna em suas redes sociais